Alexandre Pato de volta ao Corinthians em 2016? Tite aprova essa ideia

Tite arregala os olhos, abre o braço direito e diz "venha". Mas sabe que não é fácil.

66

Tite arregala os olhos, abre o braço direito e diz “venha”. Mas sabe que não é fácil.

Em entrevista exclusiva ao UOL Esporte, o treinador comentou sobre um eventual retorno de Alexandre Pato ao Corinthians em 2016. A possibilidade é quase nula, pois a necessidade de vender Pato é enorme para a direção corintiana. Mas, por outro lado, há contrato em vigor. Emprestado ao São Paulo, Pato terá de se reapresentar no CT Joaquim Grava caso não seja negociado até o fim desse ano.

“Para mim, enquanto técnico, venha! Mas tem um detalhe que é das relações e do cunho diretivo”, explica Tite, que por princípio de trabalho evita se envolver em questões que extrapolam a área técnica. “Essa relação treinador e direção tem que estar em consonância, tal qual ele esteve aqui trabalhando e buscando seu melhor momento”, declarou.

Por isso, ao ser perguntado se trabalharia para um retorno de Pato, Tite se mantém fiel à hierarquia. “Isso é de cima para baixo e não de baixo pra cima”, explica o treinador.

Na direção do Corinthians, o nome de Alexandre Pato ainda produz muita resistência pela forma como foi difícil seu relacionamento alguns membros do elenco na temporada 2013. Pesa também contra Pato ter ido à Justiça cobrar o pagamento de R$ 4 milhões em direitos de imagem atrasados. Ao receber, porém, ele retirou o processo.

Perguntado sobre qual a melhor forma de utilizar Alexandre Pato, Tite fica na dúvida. “Jogamos com ele mais avançado ou com ele atrás do Guerrero com duas linhas de quatro. Jogamos assim com Tijuana-MEX, com Danilo de um lado e Renato Augusto do outro. Metemos 3 a 0 e o Tijuana não viu a bola. Conversei com ele e ele falou que jogou no Milan muito tempo do lado esquerdo, com o Inzaghi, enfiado na diagonal. Me lembro que ele fez dois gols contra o Bahia, lá (em Salvador). Pedi a ele: ‘preenche as duas partes do gramado e não precisa voltar’. E ele guardou dois. Para mim, ele tem condições de trabalhar nessas três posições”.

Nesse momento, agentes brasileiros trabalham na Europa atrás de clubes interessados em Alexandre Pato. Ele manteve conversas com a Lazio-ITA, teve sondagens da Alemanha, mas não abriu nenhuma negociação até o momento. Satisfeito com a produção de Pato, que fez 17 gols em 2015, o São Paulo pensa em meios de tentar comprar seus direitos ao fim do empréstimo. O Corinthians pede R$ 34 milhões.

Uma coisa é certa: no clássico São Paulo x Corinthians do próximo domingo, no Morumbi, Pato será desfalque mais uma vez por cláusula contratual.

Comentários

FONTEUol Esporte
COMPARTILHE