Dilma recebe Merkel na quinta em Brasília

Chanceler da Alemanha chega ao Brasil na quarta-feira para visita oficial. Dilma apresentará a ela plano de concessões na área de infraestrutura.

8

A presidente Dilma Rousseff receberá na próxima quinta-feira (20) em Brasília a chanceler alemã Angela Merkel, que virá ao Brasil acompanhada de dez ministros. Dilma pretende apresentar a Merkel o plano de concessões na área de infraestrutura e tentar fazer com que empresas da Alemanha participem das obras, informou o Ministério das Relações Exteriores.

O encontro entre elas ocorre em meio a uma crise política no Brasil, com sucessivas derrotas do governo no Congresso Nacional, com setores da oposição defendendo o afastamento de Dilma e pesquisas apontando o mais baixo índice de popularidade da presidente desde o primeiro mandato.

O Plano de Investimento em Logística foi lançado em junho por Dilma em cerimônia no Palácio do Planalto. Por meio de concessões em áreas como portos, aeroportos, rodovias e ferrovias, o governo estima R$ 198,4 bilhões em investimentos na infraestrutura do país nos próximos anos.

Desde que lançou o programa, Dilma aproveitou viagens internacionais que teve nos últimos meses para apresentá-lo a líderes de outros países, como o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, e o primeiro-ministro da Itália, Matteo Renzi. Em discursos, a presidente tem dito que o Brasil está “aberto” a investidores estrangeiros.

A Alemanha é atualmente o quarto maior parceiro comercial do Brasil, atrás de China, Estados Unidos e Argentina. De acordo com o Ministério das Relações Exteriores, o fluxo comercial entre os países – soma entre exportações e importações – chegou a US$ 20,5 bilhões em 2014.

Além das conversas sobre o plano de concessões, informou o Itamaraty, Dilma abordará na reunião com Merkel no Palácio do Planalto temas como mudança do clima – os dois países participarão de conferência das Nações Unidas sobre o tema em dezembro, em Paris – e reforma do Conselho de Segurança da ONU.

Outro tema de destaque que será abordado pela presidente e pela chanceler é o da segurança na internet. Brasil e Alemanha se articularam para para aprovar na ONU resolução que garante maior privacidade na internet após denúncias de que líderes internacionais, como Dilma e Merkel, haviam sido alvo de espionagem do governo dos Estados Unidos.

Acordos
Ainda de acordo com o Ministério das Relações Exteriores, Brasil e Alemanha articulam para esta semana a assinatura de acordos comerciais em áreas como comércio e investimentos, ciência, tecnologia e inovação e educação. O país europeu é considerado “importante parceiro” do Brasil na área de pesquisa.

Programação
Angela Merkel desembarcará em Brasília na próxima quarta-feira (19). Embora não haja confirmação oficial, o Itamaraty trabalha para que ela participe de jantar oferecido pela presidente Dilma no Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência.

Na quinta, ela seguirá para o Palácio do Planalto, onde será recebida pela presidente na rampa que dá acesso ao palácio. Em seguida, participam de reunião privada, somente entre as duas e os principais assessores.

Na sequência, terão a reunião ampliada, com a presença de ministros das mais diversas áreas. Em seguida, haverá cerimônia de assinatura de acordos entre os dois países e declaração conjunta à imprensa. Por fim, as duas seguirão para o Palácio do Itamaraty, sede do Ministério das Relações Exteriores, onde será oferecido um almoço à delegação alemã.

Comentários

FONTEG1
COMPARTILHE