Diego Garcia obtém emendas de R$ 2 milhões ao Cisnorpi

O deputado federal Diego Garcia (PHS), anunciou a obtenção de duas emendas junto ao Ministério da Saúde que somam R$ 2 milhões, para aplicação na estruturação da rede e unidades de serviços de atenção básica de saúde.

7

O presidente do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Norte Pioneiro (Cisnorpi), Guilherme Costa Saliba Curi, que desenvolve um enorme esforço para superar a crônica carência de recursos para a manutenção de seus serviços prestados pela entidade, recebeu uma notícia que vem trazer alivio à entidade. O deputado federal Diego Garcia (PHS), anunciou a obtenção de duas emendas junto ao Ministério da Saúde que somam R$ 2 milhões, para aplicação na estruturação da rede e unidades de serviços de atenção básica de saúde.O prefeito de Tomazina e presidente do Cisnorpi, Guilherme Cury assinalou que as emendas, de R$ 740.000,00 e R$ 1.260.000,00, serão liberadas mediante um plano de aplicação dos recursos. Ele elogia a atuação do deputado Diego Garcia, que tem focado sua atuação parlamentar nas áreas de social e de saúde. “Se juntarmos forças, faremos do Cisnorpi um modelo de atendimento para o Paraná”, observou. Guilherme informou que o parlamentar anunciou que participará da reunião ordinária da Associação dos Municípios do Norte Pioneiro (Amunorpi), no próximo dia 28, quando planeja detalhar os investimentos que serão promovidos no Cisnorpi a partir da liberação das emendas.

 

Dificuldades

Guilherme Cury assumiu o Cisnorpi há cerca de dois meses, encontrando uma situação caótica. Após levantamentos na entidade, descobriu­-se que a entidade apresentava um déficit de cerca de R$ 4 milhões, principalmente dívidas com fornecedores, folha dos funcionários, entre outros. O ponto principal de dificuldades é o Hospital Regional do Norte Pioneiro, que opera no vermelho há muito tempo.Desde então o novo presidente do consórcio vem desenvolvendo esforços junto ao governo estadual e aos colegas da Amunorpi no sentido de obter mais recursos para a instituição. Ele antecipa que a Secretaria de Saúde do Paraná vai ampliar os repasses dos atuais R$ 200 mil que passarão a mais de R$ 400 mil.

Comentários

FONTETribuna do Vale
COMPARTILHE